A GRANDEZA DO NOSSO DEUS.

BERCARIO  ESTELAR RCW38

Os berçários estelares podem ser encontrados nas nuvens moleculares gigantes de gás e poeira espalhadas por nossa galáxia, a Via Láctea. Essas regiões conseguem produzir múltiplas estrelas de uma só vez – até centenas de um só golpe. Qual a real freqüência em que isso ocorre? Na média sabemos que uma estrela nova surge por ano em algum lugar da nossaVia Láctea, segundo os astrônomos estimaram. Mas deixando de fora as novas estrelas que surgem de uma só tacada em densos aglomerados globulares, a verdade é que as estrelas não nascem ou são criadas com alta freqüência na via lactea.

A RCW 38 está localizado cerca de 5.500 anos luz de distância da Terra na constelação de Vela e é um dos dois únicos aglomerados estelares gigantes próximos com mais de 1.000 estrelas. O outro, a nebulosa de Órion, 3,5 vezes mais próximo e muito mais fácil de se estudar até agora era para nós o único exemplo.

Os pesquisadores estudaram cerca de 317 estrelas do aglomerado em 3 distintas freqüências de onda na faixa do infravermelho. Cerca de 30% eram realmente vermelhas, sugerindo a presença de discos proto-planetários circunvizinhos a essas estrelas. Acharam também traços de gás excitado e algumas protoestrelas mais jovens. Tais descobertas estão consistentes com as atividades de um berçário estelar ativo.

FONTE: este artigo foi tirado do site http://eternosaprendizes.com


Outra foto tirada pela NASA  pelo telescópio Herschel  mostra a nebulosa roseta que fica a 5 mil anos-luz da Terra na constelação de Unicórnio.foto tirada em infravermelho.


FONTE: Este artigo foi tirado do site http://oglobo.globo.com/ciencia/


BURACO  NEGRO.



Buracos negros são imensas distorções de espaço e tempo. A gravidade deles é tão grande que nem a luz consegue escapar. Há mais de uma década, astrônomos sabem que todas as galáxias, incluindo a nossa Via Láctea, são ancoradas em tremendos buracos negros que têm uma massa muito grande (supermassivos), até bilhões de vezes superior à massa do Sol.

Os buracos negros são rodeados e alimentados por discos de gás e poeira chamados “discos de acreação“. Jatos poderosos saem por cima e por baixo desses discos como se fossem raios laser. Os buracos-negros podem girar na mesma direção dos discos ou no sentido contrário.

Segundo os pesquisadores, os que giram no sentido contrário expelem jatos mais poderosos porque há mais espaço entre o buraco negro e os discos. Esse vazio estimula o crescimento de campos magnéticos, que impulsionam os jatos.

“E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. ...”

Exodo:  3 ; 14

VULCÃO DE CHAITEN,CHILE.


Ficheiro:Chaiten Volcano NASA 2.jpgVolcan Chaiten en Chile


TIGRE BRANCO



MONTE EVEREST


“…Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis…”

ROMANOS  1; 20

“…Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele.  E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele…”

COLOSSENSES

cap: 1, vers: 16,17



		
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s